A Mais Pura Verdade - Dan Gemeinhart

Livro: A Mais Pura Verdade
Autor (a): Dan Gemeinhart
Editora: Novo Conceito
Ano: 2015
ISBN 978-85-8163-633-7

"Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha. Mas, em certo sentido um sentido muito importante , Mark não tem nada a ver com as outras crianças. Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram. Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier. Nem que seja a última coisa que ele faça. A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável."

*Livro cedido em parceria com a Editora Novo Conceito.

Oie, tudo bom?

Eu sou uma leitora de sick-lits e histórias tristes e, quando li a sinopse desse livro, sabia que iria me emocionar com a trama. Primeiramente eu li a prévia enviada pela Novo Conceito e depois fiz a leitura completa do livro que tem feito um grande sucesso na blogosfera.

A Mais Pura Verdade conta a história do Mark, um garoto de 12 anos que convive com o câncer há sete anos. Ele passou por diversas fases da doença e quando ela volta com toda força, ele decide fugir de casa para chegar ao topo do Monte Rainier. Ele encara isso com muita seriedade, como se fosse a última coisa a ser feita na sua vida. Com um plano na cabeça, seu cachorro Beau, sua mochila, uma máquina fotográfica e alguns dólares, ele foge sem deixar rastros e nenhum aviso.

O que mais me cativou nesse livro, é a força que o Mark tem como pessoa. Ele sabe que não está bem de saúde e também está cansado da pena e do sofrimento das pessoas que ama. E quem sou eu para culpá-lo? Sua atitude pode parecer egoísta, mas escalar o Monte Rainier é algo que ele precisa fazer para se sentir vivo novamente. É uma jornada e um desafio ao mesmo tempo.

"Isto é uma coisa que eu não entendo: por que as pessoas gostam de levar consigo uma coisa que as faz lembrar de que suas vidas estão indo embora." (pág. 11)

A maturidade com que ele vê a vida é o grande diferencial do livro. Mark odeia que sintam pena da sua situação o tempo todo e odeia que os pais o vejam sofrer. Ele é um garoto que já passou por tantas coisas e só quer dar um basta nos baques que a doença tem dado.

Com uma sutileza impressionante, essa história emociona, cativa e nos aproxima do protagonista. Ao mesmo tempo em que eu ficava com medo do que podia acontecer, eu torcia para que tudo desse certo para Mark durante todo o percurso que ele fez. Ele é corajoso, mas isso não quer dizer que também não sentia medo, dor e receio do desconhecido.

"O mundo inteiro é uma tempestade, eu acho, e todos nós perdemos em algum momento. Vamos atrás de montanhas no meio das nuvens para que tudo pareça valer a pena, como se isso tivesse algum significado. E, às vezes, nós as encontramos." (pág. 204)


A narração é alternada entre os capítulos: um é narrado em primeira pessoa com o Mark e o outro em terceira pessoa através da sua amiga Jessie, a única que sabe para onde ele foi. Jessie guarda esse segredo e através dela o leitor consegue ver um pouco da angústia dos pais e tem pequenas informações sobre as buscas feitas pela polícia. Jessie é uma personagem muito interessante porque ela vive o dilema entre contar a verdade ou cumprir a promessa feita ao melhor amigo. Além disso, desde o início é possível perceber a ingenuidade e a beleza dessa amizade.

Entretanto, a relação mais cativante do livro ocorre entre o protagonista e seu cachorro Beau. Esse bicho de estimação acompanha Mark durante a aventura e se torna um companheiro único. Tenho certeza que vocês vão amar e se emocionar com o pequeno Beau.

O autor Dan Gemeinhart possui uma escrita simples, direta e despretensiosa. Ele não apelou em nenhum momento no intuito de emocionar o leitor durante a narrativa, pois a emoção surge das próprias atitudes de Mark. É o tipo de personagem forte, inteligente e determinado que conquista durante a leitura e que te faz refletir sobre a vida. E não digo isso apenas por causa do câncer, pois ele é um mero detalhe perto da grandeza desse garoto.

Um ponto negativo da obra é a repetição da expressão "A Mais Pura Verdade" durante a história. Provavelmente foi um recurso usado pelo autor para enfatizar o título, mas não achei bacana repetir tanto.

A diagramação é simples, a fonte é confortável e a capa é coerente com a história. Eu adorei o tom de azul usado e o efeito das páginas pretas a cada início de capítulo. A Mais Pura Verdade é uma leitura indicada para todos que gostam de histórias emocionantes, bons dramas e sick-lits bem escritos.

Beijos!

60 comentários

  1. Oi!
    Eu tenho certeza que esse tipo de doença faz com que as pessoas amadureçam bem mais rápido do que deveriam. Eu li o livreto e também achei Mark bem maduro para a idade dele - confesso que antes de ele falar quantos anos tinha, o imaginava mais velho.
    Estou super curiosa para saber como vai continuar. Espero curtir a leitura e não ficar irritada com as repetições!
    Beijos,
    Deia!
    Own mine

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline,
    Tenho muita vontade de ler esse livro, mas estou com medo de sofrer muito com a história rsrsrsrs, então estou esperando estar mais preparada para a leitura desse livro.
    Beijos querida.

    http://ateliedoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ei ALinee!!
    Gostei do livro, o fato da repetição da frase eu percebi tb, mas n me incomodou tanto, o q m incomodou foi q achei o livro um pouco fora da realidade, MArk passou por muita coisa!
    MAs enfim tb acho um bom drama e sick lit p qm curti o gênero!!
    Bjos!
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  4. Olá! Essa será a próxima leitura e assim que concluir, digo minhas impressões. a princípio, achei a capa muito fofis.

    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oiee. a Diagramação do livro é ótima, mas a história deixou muito a desejar.
    Não gostei também das repetições e a história foi bem fraca para meu gosto

    Beijos
    http://www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  6. Eu chorei tanto com esse livro que só de lembrar meus olhos se enchem de lágrimas! Fico emocionada só de pensar. Adoro a capa, ela é maravilhosa! Concordo com você sobre a repetição, mas mesmo assim não mudou o encanto do livro!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Aline lindona li os primeiros capítulos e assim como você previ grandes emoções , esse cão é muito fofo fala sério. Com relação ao nosso protagonista achei ele de uma coragem ímpar . Jess sua amiga também merece créditos. Vou terminar de ler esse livro esse fds. beijos

    Joyce​
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Aline!
    Fiquei encantada com a história de Mark! É uma história que ao mesmo tempo em que é simples, também é intensa...
    Beau é uma lindeza de cachorro! E a amizade de Mark e Jessie me cativou!
    Ótimo livro! Ótima resenha!
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi Aline,
    Bom, você sabe que eu não gosto de dramas, muito menos chick-lits. Apesar disso, esse livro está me deixando curiosa com tanta gente falando tão bem dele. Acho que vou acabar lendo para descobrir como vai terminar essa aventura!

    Tem uma tag pra você no meu blog:
    hipercriativa.blogspot.com.br/2015/03/tag-7-coisas.html

    Espero que goste!
    Beijusss;

    ResponderExcluir
  10. Oláá
    Nossa, esse livro parece ser muuuito bom de tanto que ouço falar pela blogsfera, acho que sou uma das únicas que ainda não o li, infelizmente.
    Sua resenha está ótima e fico ainda mais ansiosa pela leitura haha

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/
    Catharina
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oii, tudo bem?
    Só li a degustação que a NC mandou mas quero ler ele todo...
    Também achei muito cativante a relação entre o Mark e o Beau.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  12. Oi, Alina

    Eu li o livreto. O que você acho como ponto negativo, a repetição da expressão, já eu gostei. Achei que combinou muito bem com as situações em que ele repetia a expressão.

    Gostei do recurso porque tem ligação faz a ligação do título com as reflexões de Mark.

    E o que dizer de cachorro Beau: um príncipe, de comportamento exemplar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Oiii ai pensa numa pessoa curiosa pra ler esse livro... simmm sou eu!!!!
    Adorei a historia... e a curiosidade imensa.
    E a sua nao é a primeira resenha que eu vejo que reclama do mesmo ponto que é a repetição do titulo :/

    beijos
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Apesar de não gostar de drama. Me apaixonei pelo Dan e o Beau....... Confesso que tive vontade de entrar no livro e pegar o garoto no colo,
    Bjus

    ResponderExcluir
  15. Não sei por quem eu fiquei mais apaixonada: Mark ou Beau!
    Adorei viajar junto com eles.
    Realmente, a repetição de A mais pura verdade é terrível...

    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  16. Oiee

    Nem preciso dizer que esse gênero é o meu preferido né, você já sabe rsrs mas ultimamente não estou conseguindo sair dos livros New Adult eles me conquistaram esse mês, mas estou super curiosa com a fama deste livro na blogsfera e pretendo ler em breve, acho que vou amar o cachorrinho!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Li as primeiras 95 páginas desse livro na amostra que recebi da editora Novo Conceito. E estou completamente apaixonada pelo Mark e pelo Beau ♥.
    Achei a história de uma simplicidade muito bonita, a relação entre a criança e o animal é tão linda! Espero em breve adquirir o exemplar e poder da continuidade nessa leitura.

    Beijão ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  18. O pessoal tem comentado bastante sobre este livro e confesso que estou morrendo de curiosidade pra ler! Parece ser um livro muito bom! Adorei seu post, beijos!

    ResponderExcluir
  19. Oi Aline! Este livro é ótimo, a emoção vem de forma natural, pois o autor consegue fazer você se conectar com seus personagens e seus dramas, a relação de amizade do menino e seu cão foi perfeita, que sintonia maravilhosa.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  20. Tenho escutado falar muito desse livro, ele parece ser bom mesmo pelo que to vendo.
    E amei as foto do livro, parece fofo *-*

    ResponderExcluir
  21. Oi, Aline.

    Eu primeiramente fiquei querendo ler este livro e depois desisti. Acho que não estou em uma fase de Sick-lit e tudo mais. Mas fiquei muito afim de conhecer o Beau. kkkk' De todas as resenhas que li falam bem dele e como quero um cachorro quero conhecer ele. Chato isso do autor ficar repetindo o nome do livro, mas fazer o que né.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books BR

    ResponderExcluir
  22. Esse livro deve ser mesmo muito amorzinho, Aline!
    Estou morrendo para lê-lo. Vocês primeiro me enlouquecerem com as primeiras impressões fantásticas que deixaram nos blogs e agora estão fazendo resenha do livro inteiro e ah, como eu queria poder comprá-lo ):
    Amei sua resenha! O fato do autor repetir o texto toda hora deve ser chatinho, mas acredito que não influencie tanto na história, certo?
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando ❤

    ResponderExcluir
  23. Oi Querida, eu li a previa e só com essa degustação pude me emocionar e me encantar com Mark e Beau, quero muito dar continuidade a historia e saber em como terminar essa aventura :)

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  24. OI, Aline!
    Tudo bem? =)
    Fico feliz que este livro finalmente foi lançado!
    Tô mega curiosa para saber se Mark consegue escalar o monte, se Jesse conta para os pais dele onde ele está ou não, e se Mark morre no final :(
    Bjs!

    ResponderExcluir
  25. Oi Aline, achei muito bonita e interessante a forma como a editora dividiu seus capítulos. Não li o livro inteiro ainda, isso vou fazer na semana que vem, mas sei que vou me emocionar como você.
    Bjs, Rose.
    Fábrica dos Convites

    ResponderExcluir
  26. Oi!
    Eu já vi muitas resenhas desse livro e tô me sentindo a única que não leu :/
    Parece ser bem emocionante por conta da doença, e é uma criança ainda por cima :/
    No entanto, deve trazer uma mensagem bem profunda para os leitores.
    Em breve eu lerei, com certeza.

    ResponderExcluir
  27. Li aqueles primeiros capítulos que a editora enviou para fazer a divulgação e mal vejo a hora de ler o livro todo (ainda não chegou por aqui). A história do Mark é comovente e ainda assim sem muito "mi mi mi" típico do drama.
    Adorei sua resenha, minha vontade só aumentou!

    Beijo
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Ei Aline,
    Li a prévia que a NC enviou e fiquei maravilhada, tenho certeza que irei gostar da história inteira. A editora arrasou na diagramação :)

    Bjs
    Coração Leitor

    ResponderExcluir
  29. Eu já vi tantos desse livro por ai que confesso estar ficando meio a versa à ele.
    Acho que a super exposição está me causando alergia..rs

    https://www.facebook.com/pages/Challenger/939727069386392?fref=ts

    ResponderExcluir
  30. Oi Aline!
    Eu estava bem curiosa para fazer a leitura desse livro, mas depois que fui vendo que era uma história triste, desisti. Sou chorona, sempre leio histórias que são emocionantes...mas livros com crianças doentes me deixam triste por demais da conta. =/ Prefiro deixar passar.
    Beijos
    Coisas de Meninas

    ResponderExcluir
  31. Ah esse livro é mesmo impressionante, também me cativou a maturidade do Mark (embora eu ache que ter levado Beau para o monte foi um pouquinho demais). É muito bonito a relação que eles têm, e a Jess também que sempre esteve com Mark quando ele precisava, ajudando-o etc. Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  32. Adorei a história, esse é um dos meus gêneros favoritos sabia? kkk emociono demais!

    ResponderExcluir
  33. Oi Aline, tudo bem?
    Ai caramba, tô com medinho de ler este livro, sério. Não sou grande fã de histórias tristes e este certamente vai ser um que vai me deixar com ressaca ruim depois :'(

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  34. Quando soube desse livro por conta daquele livreto que mandaram para os parceiros, fiquei com receio de não gostar, mas agora não tenho mais dúvidas de que vou adorar a leitura. Parece ser ótima e inesquecível. A capa é linda demais.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  35. Ola! É muito legal a história ter o ponto de vista de Mark e também o de sua amiga. Acho que isso dinamiza um pouco ela não é mesmo?
    Conheço pessoas que passam pela mesma situação que Mark, então concordo com ele. Uma pessoa doente não quer se sentir pior ainda com todas tendo dó dela, elas querem viver, ser felizes!
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  36. Eu sou uma leitora do gênero, e sua resenha foi a gota d'agua, eu necessito do livro, quero me emocionar, quero me apaixonar com o cachorro. Só me diz que o cachorro fica vivo, por favor
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Oiee ^^
    Aain, Beau é um amorzinho ♥ Também recebi o livro, porém ainda não continuei a leitura. Eu também me incomodei com a repetição de "é a mais pura verdade" no livro, acho que uma vez só já era o suficiente *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  38. Ai, eu amo o gênero sick-lit e sei que vou amar esse livro <3 Vai ser a minha próxima leitura e já tenho certeza que vou amar e me emocionar bastante. Adorei sua resenha, beijos.
    www.reinodaloucura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  39. Ei Aline, tudo bem?
    Que bom saber que você achou o livro todo lindo e cativante, que ele realmente te emocionou. Eu também li a prévia, mas tinha medo de ter alguma coisa que estragasse, mais para frente (embora parecesse impossível, rs.)
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    (Aline, eu li esse post antes, mas não lembro se tinha sido no celular ou aqui no blog, então, se tiver outro comentário, pode apagar esse)

    ResponderExcluir
  40. Oi, Aline, tudo bem?

    Cada post que vejo desse livro, fico com mais vontade de ler! Ele tem todos os elementos necessários para ter grandes chances de conquistar meu coração! Vou comprar o quanto antes para poder devorar!!!

    Beijos, Be
    www.clubedas6.com.br

    ResponderExcluir
  41. Ola Aline! Ainda estou aguardando o meu exemplar, gostei muito do livreto e espero curtir o livro tanto quanto curti a previa, apesar de sick lit se ter uma função: me fazer chorar. ainda assim quero conferir.
    BEIJOSSsss...

    sonhos de leitor

    ResponderExcluir
  42. Oi Aline.
    Eu me encantei com Mark, me encantei com Beau, adorei me aventurar com essa dupla que deixou meu coração apertado em vários momentos.
    Só senti necessidade de conhecer um pouco mais dessa amiga tão linda e fiel Jessie.
    Você não foi a única a se sentir incomodada com a repetição do termo muitas vezes desnecessário.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  43. Oii Aline!

    Parabéns pela resenha!
    Estou doida para ler esse livro! Eu li a prévia e amei, agora necessito do livro completo :33 Amei a história! é muito fofa e linda. Amei as diagramações do livro <3

    Beijos, Amanda
    www.facebook.com/coisadeleitor135

    ResponderExcluir
  44. Oi, Aline!!

    Acredita que os meus livros da NC ainda não chegaram? :/ Esqueceram de mim, só pode. kkkkkkkk..
    Fico feliz de ver que o final não decepciona. Também senti esse lado inteligente do Mark. Acho que o sofrimento precoce o fez amadurecer. E o autor soube passar isso muito bem. A escrita é simples, mas algumas visões do personagem deixam transparecer essa característica sutilmente. E concordo que a relação dele com o cachorro é o maior amor ♥
    Estou ansiosa para terminar a leitura.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  45. Olá tudo bem?
    Quero muito ler esse livro e gostei bastante de saber que a narrativa é alternada entre 1ª e 3ª pessoas, nunca li livros assim, que eu me lembre rs, acredito que será uma boa experiencia de leitura, até mesmo porque, pelo que você conta, o autor não apela para a doença e nem pra emoção e isso é muito bom. Bjus!!!
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  46. Achei o livro encantador, realmente tem algumas coisas repetitivas que podem irritar um pouco, além disso achei o final "criativo".
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  47. Oi Aline, tudo bem? Fiquei com vontade de ler esse livro e já preparei o lencinho porque é fato que eu vou chorar! Você chamou a atenção para uma coisa que, com certeza, vai me irritar: repetição da frase "a mais pura verdade". Depois te conto o que eu achei!


    Beijos,

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  48. Eu to bem receosa de ler esse livro, fujo de livros com essa temática de doença e morte, então quando a prova chegou eu nem li. Mas quando o livro chegou aqui pra mim fiquei curiosa com os comentários positivos. Pode ser que eu leia sim.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir
  49. Oi Aline, tudo bem?
    Eu terminei de ler esse livro hoje... e gostei muito da história e da força de Mark... eu fiquei completamente apaixonada pela pureza dele, mas fiquei muito louca com a sua imprudência... entendo todo o lado dele pelo fato de estar doente e infelizmente a doença voltar com tudo... ainda mais porque ele é um garoto e tem as suas vontades...Mas concordo que para a história acontecer tinha que ter essa imprudência... fiquei pensando na minha filha... nem imagino como eu ficaria se ela resolvesse fugir... meu Deus... acho que enlouqueceria... ainda mais com os perigos que tem na rua não é mesmo?? Adorei a sua resenha... xero!

    ResponderExcluir
  50. Oi Aline,
    A mais pura verdade está na minha lista de leitura há algum tempo. tenho lido muitas resenhas positivas e o enredo me pegou, pois gosto de estórias assim, que emocionam, mas tem algo que se aprende no final.
    bjs

    www.navioerrante.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  51. Oi Aline, tudo bem?

    Essa vai ser a minha próxima leitura. To super curiosa, ainda mais porque eu não li a prova antecipada. Acho que o livro deve ser bem tocante. Que bom que você gostou

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  52. Uau, já li tantas resenhas desse livro e todas sempre tem muitas criticas positivas, estou com ele para ler, porém ainda não pude ler, espero que eu goste do livro :p
    http://muchdreamer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  53. Oi Li!
    Eu não achei um ponto negativo a repetição do título ao longo do livro, em alguns pontos até me emocionou muito o emprego do termo! Achei ele ótimo, lindo, com uma sensibilidade incrível! Beijos

    ResponderExcluir
  54. Eu sabia que você ia curtir a leitura Aline, Mark é um garoto extraordinário! Tudo o que o livro aborda é muito singelo e tocante, as relações de amizades, o companheirismo de Beau, tudo muito legal mesmo!

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  55. Oi Aline! Tudo bem?

    Um ponto que quero citar antes de falar da sua resenha, é sobre a expressão A mais pura verdade, que é bem repetida, achei interessante seu ponto de vista, que o autor pode ter usado para enfatizar o título, eu acho que também pode ser outra coisa, é até curioso sabe, pois eu utilizo essa expressão o tempo todo quanto falo xD, tanto que meu marido ficou me gozando sobre o título do livro, pode ser que esse tipo de expressão também seja para enfatizar que o Mark só diz isto como eu rs. Bem, agora sobre a sua resenha, eu gostei de saber que você curtiu o livro, também li a prévia e achei bacana o modo como o autor criou o Mark, sua personalidade é forte, cativante, nem preciso falar de seu cachorrinho, que é uma fofura a parte e tenho para mim que vou me emocionar demais com ele!

    Enfim, gostei da resenha e parabéns pelo seu lindo bebê!

    Beijos

    daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  56. Oiê!!!!

    Eu li somente os 6 primeiros capítulos ainda, o livro completo está na estante mas a fila não me deixou ler ainda.... ai meu Deus, a cada resenha, fico mais encantada. Vou ter de passar ele na frente, não vai ter jeito. huahaua

    Beijos!

    www.escrevarte.com.br

    ResponderExcluir
  57. Olá, Aline :D
    Eu também já li e me emocionei bastante com a história.
    E Beau é um cachorro incrível mesmo :3
    É a segunda resenha que leio que falam sobre a repetição exagerada de "A Mais Pura Verdade" eu também parava um pouco quando lia, e ficava de novo?
    Mas não tive nada contra não.
    E uma coisa, eu não sabia o que era esse "raio" na capa. Agora depois de ler o livro eu me emociono, pois agora eu sei que parte da história esse "raio" aparece.
    Não sei se você vai se ligar, qual é a parte :D
    Mas foi a que eu mais me emocionei o/
    Bj

    Www.horadaleitur.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  58. Oie, Aline
    Já li tantas resenhas sobre esse livro que estou doida pra ler. Até agora estou esperando a grana sair, mas com certeza vou comprar ele (até o fim do ano já tenho que ter, ne?)

    ResponderExcluir
  59. Olá tudo bem?
    Já li várias resenhas desse livro e quase todos totalmente positivas, e estou muit ansioso para poder lê-lo. Ainda não tive a oportunidade, mas espero poder fazer isso em breve. A história me cham atenção e me parece ser ótima, gostei bastante da resenha.
    Abraços, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  60. Aline, acredita que ainda estou esperando o envio dos primeiros capítulos pela editora, mas já tenho emu exemplar em mãos e deve ser uma das minhas próximas leituras.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Todos os comentários deixados aqui serão carinhosamente retribuídos.
Para isso, basta deixar o endereço do seu blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Siga-nos no Networked

Siga-me no BlogLovin

Follow on Bloglovin